sábado, 25 de junho de 2011

Vice-governador e cônsul discutem parceria comercial entre Maranhão e Alemanha

Washington Luiz, Thomas Wülfing e Dieter Gerding

O vice-governador, Washington Luis, recebeu em audiência, nesta quarta-feira (22), no Palácio Henrique de La Rocque, o cônsul geral da Alemanha no Nordeste, Thomas Wülfing, que estava acompanhado do cônsul honorário da Alemanha em Fortaleza, Dieter Gerding. No encontro, foi tratado o estreitamento de relações comerciais entre o país europeu e o Maranhão.

Nessa perspectiva de maior aproximação comercial com o Maranhão, o cônsul geral Thomas Wülfing fez um convite para que o Governo do Estado participe do Encontro Econômico Brasil-Alemanha 2011, que será realizado no período de 18 a 20 de setembro, no Rio de Janeiro. Na ocasião, serão realizados painéis sobre cooperação e oportunidades de negócios entre os dois países.

O vice-governador manifestou que o Governo do Estado tem interesse em apresentar as potencialidades do Maranhão no Encontro Econômico Brasil-Alemanha. “Estamos vivendo um momento importante, de forte crescimento econômico no estado, com a atração de grandes empreendimentos”, revelou Washington Luiz ao cônsul.

Washington Luiz afirmou o interesse do Maranhão em estreitar as relações comerciais com a Alemanha. E um dos caminhos dessa parceria passa pelo Porto do Itaqui. Tanto que, a pedido do consulado, o vice-governador agendou uma visita de Thomas Wülfing e Dieter Gerding à Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), nesta quarta-feira (22) à tarde.

Antes de se despedir do vice-governador, Thomas informou que esta é sua segunda visita ao Maranhão. A primeira aconteceu há dois anos. “Observei que o estado cresceu muito, em São Luís são muitas construções, comércios e novos empreendimentos”, declarou.

Ele acredita que haverá interesse das empresas alemãs de participarem do crescimento maranhense. “Esse é um dos estados que mais crescem no Nordeste, o que torna atraente as possibilidades de cooperação”, destacou.

Fonte:secom

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Vereador Zé Lima aprova projetos que tornam de Utilidade Pública as Associações de Pequenos Produtores

A Câmara Municipal de São Pedro da Água Branca, na Sessão Ordinária do dia 22 de junho, aprovou o Projeto de Lei que torna de Utilidade Pública a Associação dos Pequenos Produtores do Bairro São José.
O projeto foi defendido pelo vereador Zé Lima/PT, que fez toda a articulação para que o mesmo fosse encaminhado para Câmara e votado imediatamente.
O senhor José Augusto, atual presidente da Associação, a convite do vereador Zé Lima, compareceu à Sessão e fez uso da Tribuna para agradecer aos vereadores em especial a dedicação do vereador Zé Lima que sempre atuou na defesa daquela associação.
Zé Lima destacou a atuação da Associação dos Pequenos Produtores do Bairro São José, que já tem várias ações em parceria com o a prefeitura e empresas que atuam no município que beneficiam diretamente os cidadãos são-pedrenses, como por exemplo, a reforma da estrada vicinal que liga a sede do município até o povoado do Muruim.
Foi aprovado também o PL que torna de utilidade pública a Associação dos Pequenos Produtores do Beirão do Grapiá. Defendido pelo vereador Amorim o PL recebeu total apoio dos demais vereadores.
Segundo o vereador Zé Lima, os dois projetos contam com o apoio do prefeito Vanderlúcio Simão Ribeiro, que tem manifestado interesse pelo fortalecimento de todas as associações do município.

terça-feira, 14 de junho de 2011

ACT 2011 - SINTEESP consegue 11% de reajuste para professores

Na sexta-feira (10) chegou ao fim a série de reuniões entre o Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimento de Ensino de São Pedro – SINTEESP e o Governo Municipal em que negociavam o Acordo Coletivo de Trabalho – ACT, para o ano de 2011.

A cláusula em que trata do reajuste para os professores ficou fechada em 11%. Também ficou acordado que em caso de sobra de recurso do FUNDEB, ou seja, caso não seja atingido o percentual de 60% do FUNDEB para pagamento de professores até o final do ano, será feito o rateio em forma de abono.

Em Assembléia Geral realizada no sábado (11) a equipe de negociação do SINTEESP apresentou proposta final do ACT que foi aprovado por unanimidade.

O vereador Zé Lima participou ao lado do SINTEESP de todas as reuniões de negociação e da Assembléia Geral.

sábado, 11 de junho de 2011

Câmara Municipal aprova proposta do Vereador Zé Lima que cria os programas de distribuição gratuita de Uniforme e Material escolar

O Vereador Zé Lima/PT apresentou proposta de Criação dos Programas do UNIFORME ESCOLAR e do MATERIAL ESCOLAR, e obteve o apoio de todos os vereadores, com exceção de dois oposicionistas ao governo que não compareceram à sessão.

Os vereadores presentes à sessão elogiaram a iniciativa do vereador Zé Lima e aprovaram sua proposta.

Com a criação dos programas os alunos de ensino infantil e de 1º ao 5º ano do ensino fundamental passarão a receber gratuitamente uniforme e material escolar distribuídos pela prefeitura.

Segundo Zé Lima, a rede municipal de ensino de São Pedro da Água Branca conta com aproximadamente 800 (oitocentos) alunos matriculados no Ensino Infantil e 1.700 (mil e setecentos) alunos no Ensino Fundamental séries iniciais, ou seja, de 1º ao 5º ano.  Para Zé Lima, “a grande maioria desses alunos pertence a famílias carentes que não tem condições financeiras para comprar o uniforme ou o material escolar, principalmente quando mais de um aluno pertencem à mesma família, caso bastante comum em nosso município”.

Há muito tempo o vereador Zé Lima defende a criação dos programas de distribuição gratuita de uniforme e de material escolar no âmbito municipal, mas agora o vereador está convencido de que o prefeito Vanderlucio irá acatar sua proposta tomando as providências para instituí-los no município.  Zé Lima justificou sua indicação dizendo também que “a distribuição gratuita de uniforme e material escolar para as crianças carentes do município será uma garantia de que todas elas terão mais condições de acesso e permanência na escola, pois não se pode negar que há casos em que alunos deixam de ir à escola por não terem condições de comprar o uniforme ou mesmo o material escolar”.

Zé Lima apresentou uma proposta de projeto de lei a ser apreciado pelo Executivo Municipal. “Estou encaminhando ao prefeito um modelo de projeto de lei que cria os programas indicados, caso o prefeito concorde basta assinar, ou fazer alterações e enviar para a Câmara Municipal” – disse o vereador.

Na proposta apresentada por Zé Lima os alunos receberiam todo início de ano sem exigência de devolução, 03 camisetas de manga curta e 02 calças (ou saias) e um kit de material escolar com 12 itens.

Prefeito encontra-se com autoridades do Governo Estadual e garante projetos importantes para São Pedro

O Prefeito Municipal de São Pedro da Água Branca, Vanderlúcio Simão Ribeiro, esteve em São Luis/MA no período de 23 a 27 de maio, acompanhado pelo Secretário Municipal de Educação, professor Ivan Torres, dentre outros. 

Vanderlúcio teve reuniões com várias autoridades do Governo do Estado. As reuniões aconteceram uma semana antes do seu afastamento, mas somente agora foram divulgadas.

Segue um breve relatório divulgado pela Assessoria de Comunicação do Gabinete do Prefeito.


ENCONTRO O VICE-GOVERNADOR WASHINGTON LUIS
Em visita ao vice-governador, o prefeito Vanderlucio foi convidado a participar de uma reunião em Imperatriz onde será elaborado o Orçamento Participativo. Vanderlucio também pediu para que o Vice-Governador Washington Luis interceda na liberação de recursos para restauração da área urbana do município.

ESGOTO SANITÁRIO
Vanderlucio visita o superintendente da FUNASA no Estado do Maranhão, e afirma convênio no valor de R$ 6.500.000,00 para instalações do esgoto sanitário no município de São Pedro da Água Branca.

ABASTECIMENTO DE ÁGUA 
No encontro com o Sr. Valdionor Engenheiro Geral da FUNASA, o prefeito de São Pedro consegue viabilizar todo o abastecimento de água para a sede do município e povoados. Serão perfurados 03 poços artesianos, 01 caixa d' água com capacidade para 300 mil litros, 01 caixa da água de 30 mil litros no Povoado de Cocal, com isso VANDERLUCIO demonstra sua preocupação com a saúde pública dos munícipes.

ENERGIA GRATUITA PARA FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA
Ainda nesta viagem a capital do estado, o prefeito Vanderlucio consegue um programa social que será um marco na história recente de Sao Pedro da Água Branca. Todas as famílias são-pedrenses que estão dentro da escala social de baixa renda serão beneficiadas com a TARIFA SOCIAL, que consiste na isenção parcial ou total da tarifa elétrica.

EQUIPAMENTOS PARA HOSPITAL
Em reunião com o atual Secretário de Estado da Saúde o Sr. Ricardo Murad, Vanderlucio tratou da aquisição dos equipamentos para o hospital municipal de São Pedro da Água Branca.
Segundo o Secretário ainda este ano será feita a aquisição dos equipamentos. Serão em torno de R$ 1.200.000,00 em equipamentos.

SECRETARIA DE ESTADO DE ESPORTE
Vanderlucio consegue junto ao Governo do Estado recursos para iniciar as obras do Estádio Municipal, essa obra está se tornando realidade, isso porque os esportistas do município de São Pedro já aguardam essa oportunidade a vários mandatos, mas desta vez será concretizado.

SECRETARIA DE ARTICULAÇÃO POLÍTICA
Na reunião com Secretário Especial de Articulação Política, o prefeito Vanderlucio tratou de todos os projetos de necessidade do nosso município, dentre eles: 1- entrada da cidade; 2- habitação; 3- asfaltamento; 4- Escola de Ensino Médio.
Nesta mesma reunião o Secretário solicitou a Vanderlucio um LEVANTAMENTO geral de todas as necessidades do nosso município.

PLANO MUNICIPAL DE HABITAÇÃO
O Prefeito Vanderlucio participou no dia 26/05/2011, do lançamento das Diretrizes Nacionais para a Elaboração dos Planos Municipais de Habitação. Agora de acordo com as novas diretrizes os municípios deverão elaborar um plano que deverá prever a eliminação total do déficit habitacional dos municípios. Com isso o município de São Pedro sai na frente com data definida para realização de sua conferência para iniciar o plano habitacional.

VANDERLUCIO E DEPUTADO HÉLIO
O prefeito Vanderlucio reuniu-se com o Deputado Estadual Hélio Soares, que garantiu a Iluminação do Estádio Municipal, o custo da obra está orçado em R$ 450.000,00.
Nesta oportunidade o Dep. Hélio assegurou a VANDERLUCIO que ainda este ano estará liberando mais recursos para asfaltamento de ruas no município de São Pedro Água Branca.

Fonte: ASSCOMGAB

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Entrevista do vice-governador Washington Luiz

Vice-Governador Washington Luis
Segue abaixo entrevista do vice-governador Washington Luiz concedida com exclusividade ao blog do jornalista  Frederico Luiz. Na entrevista ele fala sobre  a sua trajetória política, seu trabalho na vice-governadoria e eleições de 2012.


Do Blog do Frederico Luiz

Joaquim Washington Luís de Oliveira. Esse é o nome completo do vice-governador do Maranhão. Claro, todos o conhecem por Washington Luís, ou simplesmente, Washington.

Nascido em 24 de dezembro de 1949, ele começou sua carreira política no PCdoB. Em seguida, foi para o Partido dos Trabalhadores onde tornou-se presidente estadual da sigla.

Na eleição do ano passado, foi eleito vice-governador do Maranhão, numa aliança com o PMDB da governadora Roseana que passou pelo crivo do então presidente Lula.

Antes, foi deputado federal e presidiu o Sindicato dos Servidores Públicos do Maranhão.

Nesta entrevista reveladora, ele afirma que a aliança estadual do ano passado terá desdobramentos diferentes na eleição municipal do próximo ano.


LEIA A ENTREVISTA

Blogue do Frederico Luiz - Recentemente, o senhor representou o governo do Maranhão em importantes eventos, a exemplo da reunião dos governadores da Amazônia Lega e do lançamento do maior navio mineraleiro do mundo. Que conclusões o senhor pode retirar destas participações?
Washington Luís - Todas foram extremamente positivas. Tivemos a oportunidade de ouvir experiências de outros Estados e também de mostrar o que estamos fazendo para mudar a realidade do Maranhão. Em todos estes eventos temos buscado parcerias e apresentado as potencialidades do nosso Estado. No caso do Encontro de Belém, um dos resultados será a realização de um Encontro de Secretários de Planejamento da Amazônia Legal a realizar-se dia 17 próximo, ocasião em que serão elencados os projetos estratégicos prioritários para a região.

FL -Se o PT é uma colcha de retalhos, o senhor faz parte do maior tecido da sigla, o chamado campo majoritário que inclui a presidenta Dilma e o ex-presidente Lula. O que o Maranhão ganhou com essa parceria a partir da sua posse?
WL-O Partido dos Trabalhadores é formado por várias correntes, faço parte da tendência Construindo Um Novo Brasil (CNB). Mesmo tendo varias correntes existe uma unidade. Aqui no Maranhão o Estado ganhou um interlocutor que pertence ao partido da Presidente e isso possibilita estreitar, ainda mais, a relação do Estado com o Governo Federal.

FL - O senhor foi deputado federal e agora assumiu o cargo de vice-governador. Dá para fazer uma comparação entre estas duas funções públicas?
WL-Em comum as duas funções têm a defesa e busca de melhorias para o povo do Maranhão. Agora, cabe ao parlamento propor e fiscalizar o executivo. Já na qualidade de Vice- governador o nosso papel é articular as ações, os programas federais e o diálogo com os movimentos sociais.

FL-Antes de disputar eleições para deputado federal e vice-governador o senhor foi sindicalista e dirigiu por muito tempo o Sindsep. Esta trajetória, por exemplo, foi percorrida pelo ex-presidente Lula. Em que ela ajuda?
WL-Sempre fui ligado às lutas em defesa da democracia e de melhores condições de vida para os trabalhadores. Este envolvimento fez com que eu esteja mais próximo das necessidades e da realidade dos trabalhadores. Ao longo de toda minha trajetória estive a frente de vários movimentos que buscavam justamente estas melhorias. E agora, na vice-governadoria, luto pelos direitos de todos os maranhenses. Esta trajetória ajuda no diálogo e na proposição de governo

FL-No Maranhão, a aliança do Partido dos Trabalhadores com o PMDB da governadora Roseana para o governo do Estado vai se repetir em todos os municípios do Maranhão no próximo ano?
WL-Claro que não. Sabemos que cada caso deve ser analisado separadamente, de acordo com a situação local.

FL-E em relação às duas maiores cidades do Maranhão, São Luís e Imperatriz, na sua opinião quais os caminhos que sua sigla deve trilhar para alcançar a vitória nas urnas?
WL-Como falei cada caso será analisado separadamente e ao seu tempo. Os companheiros de cada diretório estão cientes da situação e o que será melhor, para o Estado e para o partido. Não faremos alianças sem respeitar a dinâmica e sem que haja o dialogo com as direções partidárias.

terça-feira, 7 de junho de 2011

Escolas terão R$ 100 milhões para acessibilidade

Mais de 12 mil unidades de ensino receberão os recursos

Cada unidade de ensino pode
receber de R$ 6 mil a R$ 9 mil,
de acordo com o número de alunos/
Foto: Portal do Professor
Escolas públicas de 3.433 municípios receberão R$ 100 milhões para realizar adequações arquitetônicas nas sedes e investir em outras melhorias para favorecer a igualdade de condições de acesso e aprendizagem aos alunos com deficiência. O repasse de recursos pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) às unidades de ensino foi normatizado pela Resolução nº 27, de 2 de junho de 2011, publicada no Diário Oficial da União da última sexta-feira (3). 

Os recursos, provenientes do FNDE, destinam-se a 12.165 mil unidades municipais, estaduais e do Distrito Federal para serem aplicados, prioritariamente, na contratação de serviços de construção de rampas, alargamento de portas e passagens, assim como a instalação de corrimãos. Sanitários também devem ser adequados para acessibilidade e colocação de sinalização visual, tátil e sonora. A verba pode ser aplicada, ainda, na aquisição de itens como cadeiras de rodas, bebedouros, mobiliários acessíveis ou softwares específicos.

Censo Escolar de 2010 - Quase 500 mil alunos matriculados em unidades de ensino regular são estudantes com deficiência e apenas 20% das escolas públicas de educação básica atendem a critérios de acessibilidade a esse público. Neste ano, serão atendidas as escolas que receberam sala de recursos multifuncionais em 2009 e registraram matrícula de estudantes com essa característica no Censo de 2010. Cada unidade de ensino pode receber recursos que variam de R$ 6 mil a R$ 9 mil, de acordo com o número de alunos. “Os estudantes com deficiência devem ter acesso a todas as dependências da escola”, pondera a diretora de políticas de educação especial do Ministério da Educação (MEC), Martinha Clarete. 

A Escola Acessível faz parte do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), que reduz a burocracia na transferência de recursos. Para recebê-los, as escolas devem elaborar planos de ações que serão submetidos à aprovação das secretarias de educação, observados os critérios e normas gerais de acessibilidade nas obras. 

Política de educação inclusiva foi lançada em 2008

Os resultados do Censo Escolar da Educação Básica apontam um crescimento significativo nas matrículas da educação especial nas classes comuns do ensino regular. De acordo com o MEC, esse crescimento é reflexo de política adotada que inclui programas de implantação de salas de recursos multifuncionais, adequação de prédios escolares para a acessibilidade, formação continuada de professores da educação especial e do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC) na escola, além do programa Educação Inclusiva: Direito à Diversidade. O objetivo é estimular a formação de gestores e educadores para a criação de sistemas educacionais inclusivos. A política nacional de educação especial na perspectiva da educação inclusiva foi lançada em 2008 paralelamente a aprovação, por meio de emenda constitucional, da convenção da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre os direitos das pessoas com deficiência. De acordo com a convenção, devem ser assegurados sistemas educacionais inclusivos em todos os níveis.

segunda-feira, 6 de junho de 2011

VANDERLUCIO CONSEGUE LIMINAR E VOLTA AO CARGO


Prefeito Vanderlucio Simão Ribeiro
Vanderlúcio Simão Ribeiro já está de volta ao cargo de Prefeito Municipal de São Pedro da Água Branca. 


Segundo informações do Secretário Municipal de Administração, Geraldo Costa, o Tribunal de Justiça do Maranhão concedeu hoje pela manhã liminar que garante o retorno de Vanderlucio ao cargo.


Vanderlúcio tinha sido afastado do cargo em 30 de maio, por determinação da Justiça.


A decisão partiu do juiz da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Imperatriz, Joaquim da Silva Filho, em julgamento de ação movida pelo Ministério Público Estadual alegando o descumprimento pelo prefeito de ordem judicial para devolver os cargos aos servidores públicos concursados que ele havia exonerado.

O Vice-Prefeito Pelezinho estava no comando do Executivo Municipal desde o dia 1º de julho.

domingo, 5 de junho de 2011

Vice-governador e secretário apresentam Programa de Erradicação da Pobreza do Governo em Brasília

Washington Luiz e Francisco Gomes durante audiência com a Ministra

O vice-governador Washington Luiz e o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Francisco Gomes, entregaram, na quinta-feira (2), na sede do Ministério do Desenvolvimento Social, em Brasília, o Programa de Erradicação da Miséria do Governo do Maranhão à secretária Extraordinária de Superação da Extrema Pobreza, Ana Fonseca. Pela manhã, eles participaram, no Palácio do Planalto, da solenidade de lançamento do Plano Brasil Sem Miséria com a participação da presidenta Dilma Rousseff e da ministra Tereza Campello.

Nos mesmos moldes do Plano Federal, o Programa de Erradicação da Pobreza do Governo do Maranhão foi recebido com muito entusiasmo pela equipe da nova Secretaria Extraordinária de Superação da Extrema Pobreza, criada especialmente para cuidar do novo projeto. "O Maranhão está de parabéns por ter apresentado a sua versão do programa de combate a miséria no mesmo dia que em o Governo Federal lança o seu plano. É uma iniciativa louvável e podem contar com a parceria do ministério para o aprimoramento e desenvolvimento desse grande projeto, que certamente melhorará consideravelmente a vida de milhares de maranhenses", ressaltou a secretária Ana Fonseca.

Lançamento

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, ainda vai lançar oficialmente o Programa de Erradicação da Pobreza no Maranhão, que será voltado para o meio rural e contará com propostas inclusivas, ampliando o acesso aos diversos serviços sociais, à cidadania, capacitação e qualificação profissional, o que promoverá a geração de emprego e renda e a consequente elevação da renda familiar per capita.

O projeto maranhense está na mesma linha de atuação da Organização das Nações Unidas (ONU), que estabeleceu oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), dentre os quais, um é acabar com a fome e a miséria.

Washington Luiz solicitou à Ana Fonseca que verificasse a possibilidade de apresentar o Plano Brasil Sem Miséria na próxima reunião do Conselho de Gestão de Políticas Públicas do Governo do Estado (Congep), que acontecerá dia 21 de junho. Neste mesmo encontro, secretários estaduais conhecerão o Projeto de Erradicação da Pobreza, do Governo do Estado. "É importante apresentarmos as versões Federal e Estadual dos Programas aos nossos gestores para darmos conhecimento desses projetos e engajá-los nessa luta que proporcionará melhores condições de vida aos maranhenses e brasileiros", afirmou o vice-governador.

Já o secretário Francisco Gomes disse que espera contar com a participação dos municípios para o desenvolvimento desse projeto que vai contribuir para melhorar os índices sociais do Maranhão. "Envolver os municípios como aliados nesse programa é fundamental, pois só assim, conseguiremos combater as carências que temos hoje nos serviços públicos e a insuficiência de renda que atinge uma enorme parcela da nossa população", ressaltou.

Brasil sem miséria

O Programa do Governo Federal propõe retirar 16,2 milhões de brasileiros da extrema pobreza, por meio de ações de transferência de renda, acesso a serviços públicos nas áreas de educação, saúde, assistência social, saneamento e energia elétrica, e inclusão produtiva. O Brasil Sem Miséria vai localizar as famílias extremamente pobres e incluí-las de forma integrada nos mais diversos programas de acordo com as suas necessidades.

Fonte: Secom
Do Blog UM NOVO PT PARA O MARANHÃO

FESTEJO DE SÃO PEDRO APÓSTOLO

DE 25 DE JUNHO À 03 DE JULHO

O tradicional festejo de São Pedro Apóstolo, realizado pela Igreja Católica de São Pedro da Água Branca, acontecerá de 25 de junho a 03 de julho.

A programação social será a partir do dia 29 de junho, no Centro Catequético, ao lado da Igreja Matriz, onde contaremos com várias atrações, como: DANÇA DE QUADRILHAS, SERESTAS, LEILÕES, FEIJOADAS e muito mais.

VENHA PARTICIPAR CONOSCO!


quarta-feira, 1 de junho de 2011

CURSO DE INFORMÁTICA GRATUITO PARA ALUNOS

O Prefeito Vanderlúcio juntamente com o Secretário de Educação e o Gestor da Escola Castro Alves, participaram na segunda-feira dia 30/05/2011 da abertura do curso de informática gratuito para alunos do 5º ano da referida Escola.

O curso atenderá os alunos regularmente matriculados no 5º ano do Ensino Fundamental e posteriormente será estendido para o 3º e 4º ano totalizando um atendimento de aproximadamente 400 alunos até o final do ano letivo.

O programa visa melhorar a qualidade de ensino, vinculando a participação no curso a frequência escolar.

Fonte: AscomPrefeitura  Portal São Pedro

Pelezinho assume a prefeitura de São Pedro da Água Branca

Vice- Prefeito "Pelezinho"
O Vice-Prefeito Pelezinho tomou posse hoje pela manhã na Câmara Municipal de São Pedro da Água Branca como o novo prefeito do município, e ficará no cargo até o retorno do titular, Vanderlucio Simão Ribeiro.


Em seu discurso pelezinho disse está assumindo o cargo de prefeito para  garantir o que diz a lei, pois acredita que em breve, questão horas ou dias, Vanderlucio estará de volta ao cargo. Enquanto isso continuará trabalhando sério e com responsabilidade como sempre vem atuando.

Vanderlúcio foi afastado do cargo nesta segunda-feira (30), por determinação da Justiça. A decisão partiu do juiz da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Imperatriz, Joaquim da Silva Filho, em julgamento de ação movida pelo Ministério Público Estadual alegando o descumprimento pelo prefeito de ordem judicial para devolver os cargos aos servidores públicos concursados que ele havia exonerado.