terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Promotoria de Justiça realiza audiência pública sobre exposição de crianças e adolescentes em situações de risco

O Ministério Público do Maranhão, através Promotor de Justiça com atribuições junto à Comarca de São Pedro da Água Branca, Dr. CARLOS AUGUSTO RIBEIRO BARBOSA, realizou (hoje 6/12) às 16:00 horas no Auditório do Centro Catequético Pe. Geraldo, uma audiência pública em que foram convidadas, autoridades públicas e eclesiásticas, representantes de entidades de classe, organismos estatais, pais, alunos, diretores de escolas, professores, e a população em geral e, em especial, proprietários de bares, clubes, danceterias.
Foto: Edinaldo
A audiência foi para discutir temas relacionados a exposição de crianças e adolescentes em situação de risco, em especial ao consumo de álcool e drogas, à prostituição e à permissão de direção de veículos automotores.

Promotor  Carlos Augusto Foto: Edinaldo
O Promotor CARLOS AUGUSTO enfatizou que o proprietário de estabelecimento que vender bebida alcoólica a menores de 18 anos de idade estará cometendo crime, e que também estará descumprindo a lei aquele que permitir que menores dirija veículos automotores. Afirmou ainda, que nos próximos dias baixará uma portaria disciplinando o horário e condições para que crianças e adolescentes tenha acesso ou permanência em determinados estabelecimentos.
A medida será necessária tendo em vista que são vários os casos que menores são expostos em situações de risco em clubes, bares, ou na praça até tarde da noite, na maioria das vezes sem o acompanhamento dos pais ou responsáveis.


PM/Furtado            Foto: Edinaldo
O PM Aspirante FURTADO, fez uma palestra sobre o papel da Polícia Militar na comunidade, a legislação do trânsito e uso de bebida alcoólica, ressaltando as responsabilidades do condutor de veículos automotor.

A Assistente Social do município, Drª Vânia, participou da audiência fazendo uma apresentação sobre a exploração sexual infantil, destacando a importância da comunidade saber identificar as crianças que estão sendo submetidas a esse tipo de abuso e ao mesmo não deixar de denunciar ao Conselho Tutelar, à Delegacia de Polícia ou Ministério Público, hoje presente em nosso município. Ainda sobre esse tema, o Conselheiro Tutelar WAGNER ROSA, fez uma breve exposição da atuação do Conselho no município nos últimos anos.

Finalizando a reunião o Promotor CARLOS AUGUSTO pediu rigor da Polícia Militar de São Pedro da Água Branca no combate a esses crimes cometidos contra crianças e adolescentes no município.

O vereador Zé Lima esteve presente, e em entrevista a TV SÃO PEDRO ressaltou a importância da audiência pública e elogiou a iniciativa do Promotor Carlos Augusto.
Foto: Edinaldo

Foto: Edinaldo

Um comentário:

  1. Nobre colega partidário, tenho enorme satisfação em parabenizá-lo publicamente pelo seu trabalho.
    A sua Ousadia e Luta tem reflexo não só aqui em nossa cidade e também em muitos outros lugares
    do nosso estado outros colegas reconhecem o seu trabalho.
    Com a instalação da Comarca de São Pedro da Água Branca o povo sãopedrense passou a reivindicar seus direitos com maior acesso,
    tenho certeza que você contribuiu com muita dedicação para esse acontecimento que traz muitos benefícios para a população .
    Parabéns também pela belissíma matéria. São Pedro passa a ser "cidade grande".

    ResponderExcluir