quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Roseana Sarney ainda venceria no primeiro turno, mas diferença caiu

Segunda Pesquisa JP/Amostragem mostra quadro eleitoral estável

Pesquisa realizada pelo Instituto Amostragem revela que o quadro eleitoral maranhense continua estável passados 18 dias desde o início dos programas no rádio e televisão. Roseana Sarney (PMDB) lidera a disputa com 47,31% das intenções de votos. Jackson Lago (PDT) mantém a segunda colocação, com 24,15%; Flávio Dino segue em terceiro com 16,77%. Marcos Silva, com 0,62%, Saulo Arcangeli, com 0,38%, e Josivaldo com 0,08% completam a lista dos candidatos. 6% dos entrevistados estão indecisos e 4,23% afirmaram que votarão branco ou anularão o voto.
A pesquisa foi realizada nos dias 26, 27, 28 e 29 de agosto em 40 municípios de todas as regiões do Maranhão e está registrada no TRE com o Protocolo 32.047/2010.
Pelos números apurados, a governadora Roseana Sarney mantém uma dianteira de 6,4% sobre a soma dos adversários, mas a possibilidade de um segundo turno parece mais real. É que os dados mostram que o conjunto da oposição só precisa crescer mais 3,2% para que a eleição seja definida em dois turnos.
Em relação ao levantamento anterior do Instituto Amostragem, Roseana Sarney teve uma variação negativa dentro da margem de erro de 48,46% para os atuais 47,31%. Jackson Lago variou positivamente, também na margem de erro, de 22,85 para 24,15%. A variação de Flávio Dino foi de menos 0,3%, saindo de 17 para 16,77 pontos percentuais.
Rejeição – A menor rejeição entre os três principais candidatos é de Flávio Dino, com apenas 9,46%. Jackson Lago tem 28,92 e Roseana Sarney 25,38%. Na rejeição a entrevista aponta o candidato em quem não votaria de jeito nenhum.

Do Jornal Pequeno

Nenhum comentário:

Postar um comentário